Revista Cultural nomerevista@portugalmail.pt

terça-feira, julho 13, 2004

Miss

Paulo Kellerman

Quando ganhei o concurso, disseram-me: agora éa a mulher mais bonita do mundo. E fui Durante um ano.
Mas, depois houve outro concurso. E disseram a uma moça muito alta e magra (bastante mais feia do que eu): agora, és amulher mais bonita do mundo.
Pensei: Foda-se! E agora, sou a segunda mais bonita?
Olhei-me ao espelho: tudo no sítio, tal e qual como há um ano.
Porque que motivo já não sou a mais bonita?
Foi então que começei a pensar: se a matar, voltarei a ser a mais bonita...
(Agora pelo menos, sou a mais bonita da prisão).

Retirado do livro "Miniaturas" - Prémio Especial Manuel Teixeira Gomes - 2000, Edições Colibri.